Sanitário acessível da Casa Cor MS 2016

A Arquiteta Paula Magalhães assinou o ambiente Banho Público, exposto na Casa Cor MS 2016. Além de fazer parte da mostra, este ambiente também foi utilizado pelos visitantes durante o evento, principalmente por estar próximo ao restaurante.

O Banho Público foi subdividido em três ambientes: sanitário masculino, sanitário feminino e sanitário unissex acessível. Confiram a seguir alguns detalhes do sanitário acessível!

 

01Esta é a parede da entrada do ambiente, contendo o Símbolo de Sanitário Feminino, o Símbolo Internacional de Acesso, o Símbolo de Sanitário Masculino e alguns quadros.

Apesar dos símbolos utilizados nesta sinalização estarem representados nos formatos corretos, as cores não estão de acordo com as recomendações técnicas. Os pictogramas pretos sobre a parede verde escura dificultam a visualização.


Continue lendo

Casa Cor MS 2016

Mato Grosso do Sul recebeu sua 4ª edição da Casa Cor entre os dias 26 de agosto e 12 de outubro de 2016. A mostra foi realizada na Mansão dos Dibo, localizada na Avenida Afonso Pena nº 4025, em Campo Grande. A casa, construída da década de 1980 e projetada pelo Arquiteto Rubens Gil de Camillo, manteve o brutalismo do projeto original mesmo com a repaginada da mostra, onde os Arquitetos e Designers se apropriaram de elementos como vigas aparentes, efeito ripado no teto, claraboias e pisos de madeira. (Informações: casacorms.com.br e campograndenews.com.br)

Pela terceira vez consecutiva, nós do blog visitamos a Casa Cor MS para analisar as condições de acesso oferecidas aos visitantes e, quem sabe, encontrar algum ambiente projetado para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Confira!

 

Chegando à mostra


O evento não contava com estacionamento, por isso tivemos que estacionar na rua. Como se trata de uma região movimentada da cidade, conseguimos uma vaga apenas em uma das ruas transversais à Avenida Afonso Pena.

Para chegar à mostra, foi necessário passar por calçadas com pisos razoavelmente acessíveis, porém com vários obstáculos:

 

01

Calçada que ligava o evento à Rua Espírito Santo. O revestimento é regular, firme e estável (blocos de concreto), contendo também piso tátil direcional, entretanto a calçada dá num tapume de uma obra ao lado da Casa Cor, dificultando a passagem.

Continue lendo

Casa Cor MS 2014

A Casa Cor – uma das mais importantes mostras de arquitetura, decoração e paisagismo do Brasil – teve sua edição em Mato Grosso do Sul entre os dias 02 de agosto e 14 de setembro de 2014, na cidade de Campo Grande.

O evento, cujo o tema foi “Um olhar muda tudo”, foi montado em um prédio que é parte do Hospital do Câncer. A parte estrutural do local ainda estava “crua”, e a mostra contou com a criatividade dos participantes para tornar o evento possível.


Bem como na última edição em Mato Grosso do Sul (2011), visitamos a mostra em busca de “novidades acessíveis” e também para verificar as condições de acesso dos visitantes.

Entre as tecnologias que facilitam de alguma forma a vida das pessoas com deficiência, destacamos a iluminação controlada por tablet e o sanitário funcional com a caixa acoplada embutida na parede. Pode parecer pouco, mas temos de lembrar que não se trata de uma “feira especializada” em soluções para acessibilidade. Entretanto, entendemos que “qualquer” pessoa tem o direito de visitar a mostra, e é basicamente isso que iremos conferir a seguir.



imagemA Casa Cor não possuía estacionamento próprio. Assim, a maneira mais fácil de desembarcar foi estacionando do outro lado da rua, já que o “cadeirante do blog” estava como passageiro.

Por se tratar de um espaço cedido, os organizadores tiveram de se adaptar ao local. Entendemos que não havia como viabilizar um estacionamento para os visitantes, mas seria viável capacitar os recepcionistas para orientar e ajudar as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida a descer do carro e chegar à entrada do evento.


Continue lendo