Publicado em: 05.março.2014

Por: Acessibilidade na Prática

O Restaurante Hong Kong conta com boxes acessíveis em seus sanitários, tanto no masculino quanto no feminino. Neste post, vamos conferir alguns detalhes da acessibilidade do sanitário feminino e seu boxe acessível.


imagemO corredor que dá acesso ao sanitário é curto e sua largura é satisfatória.

Há um extintor ao lado da porta (canto inferior esquerdo da foto) alocado no chão em um suporte apropriado, não configurando um obstáculo suspenso e consequentemente dispensando sinalização tátil.

Na porta existem três placas de sinalização visual. A primeira contém o Símbolo Internacional de Sanitário Feminino do lado esquerdo e a palavra “feminino” do lado direito. Abaixo dessa placa há outras duas, sendo uma com o Símbolo Internacional de Sanitário Feminino (à esquerda) e outra com o Símbolo Internacional de Acesso (à direita). Esta segunda composição (a debaixo) indica a presença de um sanitário feminino acessível.

(mais…)

Leia Mais

Publicado em: 04.março.2014

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora (membro da equipe): Maria Alice Furrer
Twitter: @marialiceff
Data da foto: 23/02/2014
Local: Avenida Dorvalino dos Santos 788, na frente da Ki-Pão Conveniências, em Sidrolândia – MS.
Descrição: Este carro estava estacionado indevidamente numa vaga reservada para pessoas com deficiência. Mesmo com a sinalização inadequada, era possível identificar a presença da vaga e estacionar mais para frente, até porque haviam outras vagas disponíveis.

foto

Leia Mais

Publicado em: 02.março.2014

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Frederico Rios
Twitter: @Fred_Rios
Data das fotos: 22/02/2014
Local: Aquário Restaurante, Rua Coronel Pilad Rebuá 1883, Bonito – MS.
Descrição: Flagrante positivo! Já sofri muito em restaurantes e lanchonetes que não possuíam mesas acessíveis. Apesar de existir um “belo” degrau na entrada, esse restaurante conta com “todas” as mesas do ambiente interno acessíveis, garantindo área livre inferior e aproximação frontal. Sigam esse exemplo, empresários!


2014-02-22 15.13.59

2014-02-22 15.13.40

Leia Mais

Publicado em: 26.fevereiro.2014

Por: Acessibilidade na Prática

O Hong Kong é um restaurante chinês localizado na Rua Dr. João Rosa Pires 761, Bairro Amambaí, Campo Grande – MS.


imagemEste é um dos acessos da entrada do restaurante, feito por escada. Associado a esta escada existe uma rampa, a qual será melhor descrita na próxima foto.

A escada possui corrimão bilateral de apenas uma altura, o que é correto, pois a norma técnica atual exige corrimãos de duas alturas apenas para rampas. Entretanto, quando uma escada possui corrimãos em duas alturas, facilita também o deslocamento de pessoas com baixa estatura e crianças.

Os corrimãos não possuem sinalização por anel com textura e braille, e também não contam com prolongamentos de 30 cm paralelos ao piso.

(mais…)

Leia Mais

Publicado em: 25.fevereiro.2014

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora (membro da equipe): Bianca Menezes Ravagnani
E-mail: [email protected]
Data das fotos: 17/02/2014
Local: Estacionamento de uma agência do Banco do Brasil, localizada na Avenida Afonso Pena 5572, em Campo Grande – MS.
Descrição: Flagrante triplo! Um veículo estacionado indevidamente numa vaga reservada para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida; várias motos estacionadas sobre o espaço adicional de circulação da mesma vaga; e uma moto obstruindo a rampa que dá acesso à agência.


BB 3 edit

BB 2 edit

Leia Mais

Publicado em: 23.fevereiro.2014

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Diego Rios
Twitter: @DR_DiegoRios

Data da foto: 10/02/2014
Local: Rua Antônio Maria Coelho, na frente do Indez Bar, em Campo Grande – MS.
Descrição: Veículo estacionado obstruindo o rebaixamento de guia. Isso acontece com frequência no mesmo local e com o mesmo veículo.

IMG-20140211-WA0003

Leia Mais

Publicado em: 19.fevereiro.2014

Por: Acessibilidade na Prática

Acreditem se quiser: uma rampa pela metade! Isso mesmo: metade rampa, metade escada!

No dia 29/01/2014, fui a um culto ecumênico da turma de formandos de uma amiga, que aconteceu na Igreja Nossa Senhora do Líbano, em Belo Horizonte (Rua Pouso Alegre 659, Bairro Floresta). Como de praxe, antes de ir, pesquisei no Google Street View para ter noção da acessibilidade do lugar (às vezes funciona). Como podem ver pela foto do Google (printscreen), que é de 2011, existe uma rampa “meio suspeita”, pois, ao seu término, aparece uma continuação em escada antes de chegar na porta da igreja. Pensei: “não é possível, deve existir uma entrada lateral, sei lá!”. Mas isso serviu para eu descartar a cadeira motorizada e ir na manual, para o caso de eu ter que terminar de subir a rampa carregado (isso facilita).

BO IGREJA FLORESTA - FOTO GOOGLE 2011

Imagem: Google Street View (2011)


Chegando lá, essa “navalhada arquitetônica” se confirmou! De fato era uma rampa que acabava no meio do caminho, me obrigando a ser carregado sobre um lance de escada ao final. Tudo bem que era um lance menor de escada, mas extremamente desnecessário, uma vez que bastaria completarem aquela rampa para viabilizar o acesso. Mesmo fora dos padrões de acessibilidade, já “quebraria um galho”.

(mais…)

Leia Mais