Publicado em: 22.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Diego Rios
Twitter: @dr_diegorios
Data das fotos: 22/08/2015
Local: Rua Klaus Stuhrk esquina com a Rua São Remo, Campo Grande – MS.
Descrição: Três veículos obstruindo três rebaixamentos de guia de uma mesma esquina, acabando com praticamente todas as opções de travessia de um cadeirante ou de outra pessoa com dificuldade de locomoção.

IMG_5655
IMG_5654

IMG_5656edit

Leia Mais

Publicado em: 20.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora (membro da equipe): Maria Alice Furrer
Twitter: @marialiceff
Data da foto: 02/09/2015
Local: Avenida Afonso Pena quase esquina com a Rua Bahia, Campo Grande – MS.
Descrição: A base deste telefone público (orelhão) está tomada por plantas, dificultando a utilização do equipamento.

IMG_2474 edit

Leia Mais

Publicado em: 15.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Diego Rios
Twitter: @dr_diegorios
Data da foto: 02/07/2015
Local: Rua Cacildo Arantes 408, Bairro Chácara Cachoeira, em frente à Paróquia Nossa Senhora da Abadia, Campo Grande – MS.
Descrição: Dois veículos estacionados sobre a calçada, impedindo a passagem dos pedestres. 

IMG_4370 edit

Leia Mais

Publicado em: 13.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor: Fábio Quintão Afonso
E-mail: [email protected]
Data das fotos: 04/09/2015
Local: Rua Geraldo Faria de Souza 395, Bairro Sagrada Família, na frente da loja Freedom Drive, em Belo Horizonte – BH.
Descrição: Sou proprietário de uma loja de adaptações para pessoas com deficiência e me deparei com este veículo estacionado na frente do meu estabelecimento, onde a guia é rebaixada. Quando abordei a dona do veículo, tive o desprazer de ouvi-la dizer que não iria retirar seu carro pois não havia nenhuma sinalização na rua que a impedisse de estacionar no local e, como a rua é pública, ela poderia parar onde quisesse. Entretanto, qualquer motorista deveria saber que é proibido estacionar na frente de uma guia rebaixada.

foto 1 edit
foto 2

Leia Mais

Publicado em: 09.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Um único passeio pelo supermercado é o suficiente para constatar que a presença de pessoas cegas pelos corredores desses estabelecimentos comerciais só é possível graças à ajuda de alguém para auxiliar nas compras. Embora o Sistema Braille não se configure como estereótipo da cegueira, é através dos rótulos e embalagens que o público consumidor entra em contato com o produto que deseja adquirir, devendo ser assim também para quem não enxerga.

 lasanha sadia brailleFoto: Revista BRF



Não se trata de replicar um “mundo” para os cegos, mas oferecer-lhes condições de consumir produtos com autonomia, possibilitando a esse público identificar as informações mais importantes veiculadas nas embalagens. Isso só será possível a partir da adoção de medidas específicas, tais como inscrição em Braille e embalagens com formatos ou texturas diferenciadas. A embalagem é um fator que complementa uma marca e, por isso, precisa comunicar ao consumidor sua identidade com objetividade e clareza.

(mais…)

Leia Mais

Publicado em: 08.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Diego Rios
Twitter: @dr_diegorios
Data da foto: 02/07/2015
Local: Rua Cacildo Arantes esquina com a Rua Teldo Kasper, Bairro Chácara Cachoeira, Campo Grande – MS.
Descrição: Camionete estacionada obstruindo o rebaixamento de guia.

IMG_4369 edit

Leia Mais

Publicado em: 06.setembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora: Raquel Basségio
E-mail: [email protected]
Data das fotos: 12/08/2015
Local: Estacionamento da Caixa Econômica Federal, Avenida Mato Grosso 2942, Campo Grande – MS.
Descrição: Há três vagas reservadas transversais na frente do banco, sendo uma para idosos e duas para pessoas com deficiência. Podemos ver nas imagens que as três vagas estão desocupadas, mas o veículo vermelho estacionado paralelamente à calçada está obstruindo parte do acesso às vagas reservadas. Aparentemente, tal veículo não está atrapalhando, mas podemos notar pela segunda foto que o acesso à vaga para idosos está bastante comprometido.

2
1
3 edit

Leia Mais