Publicado em: 14.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática


rampa escada

(mais…)

Leia Mais

Publicado em: 12.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Frederico Rios
Twitter: @Fred_Rios
Data das fotos: 12/01/2015
Local: Rua 25 de Dezembro 2320, Campo Grande – MS.
Descrição: A rampa de acesso deste estabelecimento oferece vários “desafios” aos usuários: é bastante inclinada (inclusive transversalmente, no seu início); não possui corrimãos bilaterais em toda sua extensão, e os que existem são inadequados; e o revestimento do seu piso é irregular e trepidante.

2016-01-12 14.12.24-1
2016-01-12 14.12.23-1
2016-01-12 14.12.24

Leia Mais

Publicado em: 10.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora: Marina Almeida Souza
E-mail: [email protected]
Data das fotos: 04/01/2016
Local: Viçosa – MG:
1ª foto: região central da cidade;
2ª foto: estacionamento do Supermercado Bahamas, Avenida Milton Bandeira 380, Centro;
3ª foto: em frente à Praça Silviano Brandão.
Descrição: Vagas de estacionamento a 45º, reservadas a pessoas com deficiência, porém sem condições de utilização. Sinalização precária e ausência de espaço adicional de circulação são os maiores problemas. O rebaixamento de guia mostrado na última foto é totalmente inacessível, pois sua localização faz com que o próprio veículo o obstrua, impedindo a passagem dos usuários.

AtSTSEzgBH1RBHKa6PGKRkrU9G8tGUQtM8F1ChTL2K7I
Apdw46Vtwx5g22OoAMSdpW_L2kO-pCrRyz9TplwcT2US
AockT8_NdzfvEGZfm0l8aswGIUGwaHhgC6Q4EOr-DcYw

Leia Mais

Publicado em: 06.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática

Meu nome é Reinaldo Moura, sou de Porto Alegre e passo alguns finais de semana em Capão da Canoa, uma cidade no litoral do Rio Grande do Sul. Já há algum tempo, quando vou a Capão da Canoa, uma situação me incomoda bastante. Com o objetivo de evitar o trânsito de bicicletas na Praça do Farol, foram colocadas barreiras que também, no mínimo, dificultam a passagem de qualquer pessoa com dificuldade de locomoção. Nem mesmo alguns carrinhos de bebê conseguem passar. Essas barreiras estão em todos os acessos da praça. 

 

WP_20151122_09_09_56_Pro

(mais…)

Leia Mais

Publicado em: 05.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor: Dorival Cândido de Souza
E-mail: [email protected]
Data das fotos: 04/01/2016
Local: Estacionamento da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Avenida Tamandaré 6000, Jardim Seminário, Campo Grande – MS.
Descrição: O estacionamento da instituição disponibiliza vagas reservadas para pessoas com deficiência, porém as vagas mostradas nas imagens abaixo possuem uma barra de ferro cravada no início de cada espaço adicional de circulação (faixa amarela), “provavelmente” para evitar que motoristas estacionem seus carros nesses espaços. No entanto, essas barras impedem que um cadeirante, por exemplo, saia de perto do seu veículo após o desembarque, pois a única forma de deixar o estacionamento e acessar a universidade é pelo espaço obstruído pela barra. Vale lembrar, ainda, que a norma técnica de acessibilidade não menciona ou recomenda esse tipo de “obstrução” nem nos espaços adicionais de circulação nem nas vagas.

ucdb 2
ucdb 1

Leia Mais

Publicado em: 04.janeiro.2016

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidor (membro da equipe): Diego Rios
Twitter: @dr_diegorios
Data da foto: 19/12/2015
Local: Rua Silvina Tomé Veríssimo 20, Jardim Autonomista, na frente do Clube Estoril, Campo Grande – MS.
Descrição: A calçada do local é bastante estreita. Como se não bastasse, postes e placas diminuem ainda mais o espaço para a circulação de pedestres, impedindo a passagem de cadeirantes, carrinhos de bebê e outras pessoas com mobilidade reduzida.

IMG_9503

Leia Mais

Publicado em: 09.dezembro.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Em 2011, fizemos um post sobre maçanetas, demonstrando com exemplos alguns detalhes que as tornam acessíveis ou não. Hoje, veremos que, além das maçanetas, existem os puxadores e as barras antipânico.

Os elementos de acionamento para abertura de portas devem possuir formato de fácil pega, não exigindo firmeza, precisão ou torção do pulso para seu acionamento, e devem ser escolhidos para cada situação de acordo com a NBR 9050/2015.


maçanetas

A figura acima, extraída da NBR 9050/2015, demostrando o que é uma maçaneta, um puxador vertical e um puxador horizontal, respectivamente.

As maçanetas devem preferencialmente ser do tipo alavanca (para facilitar o manuseio), possuir pelo menos 10 cm de comprimento, acabamento sem arestas e extremidade recurvada, apresentando uma distância mínima de 4 cm da superfície da porta (para facilitar o encaixe da mão). Devem ser instaladas a uma altura que pode variar entre 0,80 m e 1,10 m do piso acabado.

(mais…)

Leia Mais