Flagrante – Caroline Longo

Publicado em: 02.maio.2012

Por: Acessibilidade na Prática

Seguidora: Caroline Wunderlich Longo
Cidade: Campo Grande – MS
Twitter: @carolinewunder
Data das fotos: 23/04/2012
Local: Residencial Piazza Boulevard,  Rua Dr Werneck 104, Jd Albuquerque, Campo Grande – MS.
Descrição: Estas são algumas rampas da área comum do prédio onde moro. Todas elas tem um padrão semelhante. Sofri uma queda nesta rampa da primeira foto, no dia 07/04/2012. Formalizei uma reclamação por escrito na mesma semana do tombo e, dias depois, me informaram que o problema seria resolvido até dia 14/05. A administração do condomínio afirma que a tinta usada nestas rampas é antiderrapante, mas é uma tinta emborrachada, super lisa, e como o cimento foi bem “alisado”, o chão vira um “sabão” quando está molhado. Estou sabendo que outras pessoas também já caíram no mesmo lugar. Vamos ver no que isso vai dar…

4 ideias sobre “Flagrante – Caroline Longo

  1. Achei importante expor minha situação porque além da questão da acessibilidade mostra a incoerência do arquiteto ou engenheiro que estudaram tanto pra fazer uma calçada e as rampas dessa maneira e usar esse material que já está mais que provado que não é antiderrapante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *