Sanitário acessível da Loja Havan

Publicado em: 24.junho.2015

Por: Acessibilidade na Prática

Este é o terceiro e último post sobre o passeio pela Havan da Avenida Cônsul Assaf Trad, em Campo Grande (MS), onde conheceremos um pouco dos sanitários do estabelecimento.

Logo após a entrada da loja estão os sanitários disponíveis aos clientes, entre eles o Sanitário Unissex Acessível, o qual analisaremos a seguir:


2015-05-24 23.09.31-1Os sanitários podem ser localizados apenas por meio de sinalização visual. Como não há sinalização tátil, a autonomia dos deficientes visuais fica prejudicada.

A palavra “sanitários” aparece escrita no início do corredor que leva aos banheiros. A fonte é grande e o contraste de cores permite uma boa legibilidade. Porém, logo abaixo dessa sinalização, existe uma de foto representando uma família. Considerando que no local podem haver analfabetos e turistas estrangeiros, essas pessoas teriam dificuldade para localizar os sanitários. Se o estabelecimento seguisse as normas técnicas de acessibilidade, ao invés da foto de uma família, haveria o Símbolo Internacional de Acesso em composição com Símbolo Internacional de Sanitário. Esses símbolos são facilmente reconhecidos, tornando a sinalização simples e intuitiva.


2015-05-24 23.09.43Podemos observar claramente, no lado direito da foto, o Símbolo Internacional de Sanitário Feminino e, logo abaixo, a palavra “feminino”. O símbolo é bem grande, permitindo uma boa legibilidade. Entretanto, esse tamanho de símbolo é desnecessário e, apesar de nítido e intuitivo, não deveria estar estilizado, pois a cor roxa não é uma variável permitida pela norma técnica.

No lado esquerdo da foto está a porta do Sanitário Unissex Acessível, onde também existe um fraldário. 

A sinalização do sanitário fica num painel localizado na lateral da sua porta, como se fosse uma parede. O Símbolo Internacional de Acesso está presente, mas sua posição está invertida (voltada para a esquerda) e não está em composição com nenhum outro símbolo. Como a porta está entre os sanitários feminino e masculino, “presume-se” que seja um Sanitário Unissex Acessível.

Acima do Símbolo Internacional de Acesso há outro símbolo indicando a presença do fraldário. Além de estilizados, os símbolos são brancos sobre um vidro sobreposto à parede, tornando o contraste visual péssimo, dificultando a visualização e interpretação das informações.

Não há sinalização tátil como pede a norma técnica.

A porta do sanitário possui abertura para fora, poupando espaço interno e facilitando seu desmonte em casos de emergência.

A maçaneta é do tipo alavanca, o que torna seu manuseio acessível. Há também uma barra horizontal no centro da porta, a qual é obrigatória apenas na parte interna.

Há um revestimento de proteção na parte inferior da porta, o qual é recomendado pela norma técnica e está corretamente instalado. Esse revestimento deve estar na parte inferior da porta, inclusive no batente, até a altura de 0,40 m a partir do piso, sendo resistente a impactos provocados por bengalas, muletas e cadeiras de rodas.


2015-05-24 23.10.02O lavatório é suspenso, permitindo a aproximação frontal de um cadeirante. Não existe barras de apoio junto e ao redor do lavatório.

A torneira do lavatório é acionada por mecanismo de pressão, tornando-a acessível.

A saboneteira está instalada ao lado do lavatório. Por estar um pouco afastada do mesmo, o piso pode se tornar escorregadio caso o sabonete pingue no chão.

Há um secador automático ao invés de toalhas de papel, localizado na parede lateral do lavatório.

O espelho é grande, inclinado e está logo acima do lavatório, permitindo uma boa visualização por pessoas de baixa estatura, cadeirantes e até por pessoas de pé.


 
2015-05-24 23.09.49Do lado direito do lavatório existe um fraldário fixado na parede. Há instruções (visuais) de utilização no próprio fraldário, porém com letras muito pequenas, dificultando sua legibilidade.


2015-05-24 23.09.50Há barras de apoio nas paredes lateral e posterior da bacia sanitária, como determina a norma técnica. Entretanto, não mensuramos seus dimensionamentos e nem suas alturas de instalação.


O acionamento da descarga é feito por botão de pressão, facilitando sua utilização.

 

A papeleira está instalada na parede lateral e alinhada à borda frontal da bacia sanitária, permitindo o alcance manual. Porém, por se tratar de um modelo de papeleira “não embutida”, a norma técnica determina que seja instalada numa altura maior, acima da barra de apoio.

 

O cesto de lixo está alocado ao lado da bacia sanitária, atrapalhando a circulação interna e a transferência para a bacia.



2015-05-24 23.10.08Esta é uma visão interna da porta do Sanitário Unissex Acessível.

A maçaneta é do tipo alavanca, porém não há chave ou trinco. Assim, quem utiliza esse sanitário não tem nenhuma privacidade.

Não há barra horizontal na face interna da porta, onde realmente é necessário. Na face externa, onde a barra é dispensável, ela está presente.


Leia também:

Estacionamento e acesso da Loja Havan
Circulação interna da Loja Havan


Maria Alice Furrer 


Fotos: 20/05/2015



2 ideias sobre “Sanitário acessível da Loja Havan

  1. Pingback: Estacionamento e acesso da Loja Havan | Acessibilidade na Prática

  2. Pingback: Circulação interna da Loja Havan | Acessibilidade na Prática

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *