Acesso da Pizzaria La Favoritta

Publicado em: 26.dezembro.2017

Por: Acessibilidade na Prática

Ao visitarmos nossa família em Paranaíba (MS), fomos saborear uma boa e velha pizza de domingo à noite na Esfiharia e Pizzaria La Favoritta, localizada na Avenida Coronel Gustavo Rodrigues da Silva, nº 1054-1156. A pizza é uma delícia, mas o acesso…


Ao sair da calçada, a qual não forma degrau com a entrada do portão, existe uma rampa e uma escada para entrar no estabelecimento. ✔

A vegetação, apesar de tornar o ambiente agradável, atrapalha a passagem dos clientes. ✘


A rampa é muito íngreme, dificultando a subida ou descida de cadeirantes, idosos e usuários de muletas ou andadores. ✘

Só há corrimão no lado esquerdo de quem sobe. Apesar de ser em duas alturas, o corrimão não possui as dimensões corretas (as alturas são inadequadas e o corrimão não acompanha a rampa em toda sua extensão). ✘

O piso é firme, estável, regular e antiderrapante. ✔

Ausência de piso tátil no seu início e final. ✘


A escada não possui corrimãos. ✘

Não há sinalização visual nas bordas dos degraus, podendo causar quedas principalmente às pessoas que descem a escada. ✘

O piso é regular, firme, estável e antiderrapante. 

Ausência de piso tátil no seu início e final. ✘

O revestimento do piso possui figuras que dão noção de tridimensionalidade, podendo atrapalhar a circulação especialmente de pessoas com baixa visão. ✘


Esta é a segunda rampa, que dá acesso às mesas da parte externa do restaurante.

Assim como na primeira rampa, o piso é regular, firme, estável e antiderrapante. ✔

A inclinação da rampa é muito forte, dificultando a subida ou descida inclusive de pessoas sem comprometimentos motores. ✘

Há também inclinação transversal no percurso dessa rampa, tornando sua utilização ainda mais arriscada. ✘

Ausência de corrimãos. ✘

Existe um pequeno desnível no topo da rampa. Parece irrelevante, mas, na prática, dificulta a passagem e pode causar quedas. ✘

Ausência de piso tátil no seu início e final. ✘


Por esta imagem, é possível perceber a intensidade da inclinação da rampa, onde mesmo pessoas sem deficiência encontram dificuldades para utilizá-la. ✘


Notem que existe um desnível considerável entre a rampa e o piso, onde a ausência do corrimão oferece riscos de queda a qualquer pessoa, sem mencionar a quina viva da borda da rampa, que em caso de quedas, pode agravar os ferimentos.

Sem ajuda fica difícil subir uma rampa assim… 


Frederico Rios

Fotos: 17/12/2017



Os comentários estão fechados.